Ebserh

NOTA DE ESCLARECIMENTO

 

NOTA AO JORNAL “O FLUMINENSE”, em resposta à matéria publicada no site, em 21/03/19, às 15h57, sob o título “Com leitos bloqueados, Antonio Pedro tem superlotação”, prestamos os seguintes esclarecimentos:

Nos dias 13 e 14 de junho, o reitor da Universidade Federal Fluminense, Sidney Mello, e o reitor eleito, Antonio Claudio Lucas da Nóbrega, cumpriram agenda pública em Brasília para estruturar a transição da administração e planejar ações concretas para o quadriênio 2018-2022. Os reitores foram recebidos pelo Presidente da República, Michel Temer, e pelos ministros da Saúde, Gilberto Occhi, da Educação, Rossieli Soares, e das Cidades, Alexandre Baldy.

No último dia (1), o Huap recebeu 50 novos funcionários, concursados recentemente pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) para prestação de serviços no Hospital Universitário Antonio Pedro, participaram de um momento de integração e acolhimento no Auditório Aloysio de Paula. O evento faz parte de uma série de atividades de integração e capacitação. Para recepcionar os novos funcionários houve a participação do coral do Huap que é formado por funcionários do hospital e pela comunidade externa.

Nota explicativa aos servidores do Huap

O Superintendente do Huap, professor Tarcisio Rivello, esclarece que os servidores do hospital não foram cedidos à Ebserh. Por meio de nota, o Superintendente informa sobre a Portaria UFF nº 58.675, de 05/05/2017, publicada no BS nº 079, de 09/05/2017, editada pelo reitor da universidade, Sidney Mello, e elaborada com o objetivo de formalizar os princípios e normas construtivas da vida funcional dos servidores do Huap.

O Hospital Universitário Antônio Pedro (Huap) conseguiu recentemente, por meio de negociação com o Ministério da Educação (MEC), a abertura de 241 vagas temporárias para a área de saúde e 31 vagas destinadas ao setor administrativo para suprir a demanda de profissionais. As vagas serão preenchidas por tempo determinado, com contrato de duração de até 2 anos.

Após longo processo de negociação e argumentação, a Reitoria da UFF conseguiu a autorização do Governo Federal para contratar de forma emergencial um total de 272 profissionais para ampliar os serviços oferecidos pelo Hospital Universitário Antonio Pedro (HUAP) aos usuários do SUS. Serão contratados médicos de 17 especialidades, enfermeiros, farmacêuticos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, técnicos de enfermagem e de laboratório, bem como profissionais de apoio administrativo.

Após longos meses de intenso debate e ânimos acirrados, o Conselho Universitário (CUV), realizado hoje (16) deliberou pelo compartilhamento da gestão do Hospital Universitário Antônio Pedro (HUAP) com a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH). Estiveram presentes 71 conselheiros. Apesar das sucessivas tentativas de impedir o funcionamento do Conselho por parte das organizações sindicais e alguns estudantes, a ampla maioria de 53 conselheiros votou a favor da contratualização. Pela proposta ficam garantidos:

Após longos meses de intenso debate e ânimos acirrados, o Conselho Universitário (CUV), realizado hoje (16) deliberou pelo compartilhamento da gestão do Hospital Universitário Antônio Pedro (HUAP) com a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH). Estiveram presentes 71 conselheiros. Apesar das sucessivas tentativas de impedir o funcionamento do Conselho por parte das organizações sindicais e alguns estudantes, a ampla maioria de 53 conselheiros votou a favor da contratualização. Pela proposta ficam garantidos:

O Conselho Deliberativo do Hospital Universitário Antônio Pedro (HUAP), reunido nesta 3ª feira pela manhã, aprovou a “Resolução sobre a Sustentabilidade do Hospital Universitário Antônio Pedro - HUAP, e indicativo de Contrato de Gestão Especial Gratuita do Hospital, entre a UFF e a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares – Ebserh”.

Páginas

Subscrever Ebserh