Instituto Confúcio

No dia 05 de Maio, a UFF teve a sua primeira participação na etapa nacional do 18th Chinese Bridge, com a presença dos alunos Letícia Fernandes da Silva e Gabriel Fagundes. O Chinese Bridge é uma competição de proficiência em chinês para estudantes universitários organizado pela embaixada da República Popular da China e Matriz do Instituto Confúcio - Hanban.

 

Uma turma do Ensino Médio do Colégio Universitário Geraldo Reis (Coluni) receberá curso gratuito de língua e cultura chinesa. Os adolescentes terão contato e poderão se aprofundar na fonética, gramática, utilização e leitura dos caracteres chineses, assim como conhecerão as festividades, comidas e tradições do país. O curso começou na última segunda-feira, 1º de abril, é optativo e possui três anos de duração. A disciplina é uma iniciativa da universidade, em parceria com o governo chinês pelo Instituto Confúcio.

A China se consolidou nos últimos anos como principal parceiro comercial do Rio de Janeiro. Em 2018, as exportações para o país totalizaram 35,5% da balança estadual. A demanda por falantes de língua chinesa é crescente e um diferencial importante na carreira profissional. Pensando nessa nova realidade, a Universidade Federal Fluminense, em parceria com o governo chinês, abriu duas turmas de língua e cultura chinesa para o início no primeiro semestre de 2019 pelo Confucious Classroom.

Com o intuito de ampliar as relações acadêmicas e culturais da UFF, o reitor Sidney Mello representou a universidade, em novembro de 2017, em uma viagem oficial aos continentes europeu e asiático, que consolidou a posição de destaque internacional da instituição.

Com o objetivo de ampliar as relações acadêmicas e culturais da UFF, a partir do dia 17 de novembro, o reitor Sidney Mello representará a universidade em uma viagem oficial marcada por compromissos nos continentes europeu e asiático que consolidarão a posição de destaque internacional da instituição.

Subscrever Instituto Confúcio