Logotipo da UFF

UFF assina acordo de cooperação com o Parque de Tecnologia de Petrópolis

Print Friendly, PDF & Email

A Universidade Federal Fluminense (UFF) e o Parque de Tecnologia de Petrópolis (Serratec) celebraram um convênio de cooperação acadêmica, científica e tecnológica. O acordo representa um avanço importante nas políticas de integração entre academia, mercado e órgãos públicos, na medida em que estabelece as condições para a implementação de metodologias ativas de aprendizado. O principal benefício para a Escola de Engenharia de Petrópolis será a integração com o mercado por meio de atividades práticas e multidisciplinares em que os estudantes terão a oportunidade de se inserirem na área de trabalho.

Por meio deste acordo de cooperação, a UFF apoiará as atividades de pesquisa e capacitação do Parque Tecnológico, como, por exemplo, o Programa de Residência de Softwares, cujo objetivo é fomentar e aumentar a oferta de profissionais qualificados em tecnologia, dando oportunidades a jovens e adultos. Além disso, o convênio terá um impacto no desenvolvimento econômico da região ao promover capacitação profissional qualificada e atrair novas empresas à Região Serrana do Estado do Rio de Janeiro.

De acordo com o Reitor da UFF, Antonio Claudio Lucas da Nóbrega, a iniciativa se alinha com uma ação extremamente importante das universidades federais que é a chamada tripla hélice, a relação entre academia, governo e empresas. “Queria parabenizar a iniciativa de sucesso da Serratec, agradecer a receptividade com a nossa universidade. Estamos estrategicamente alinhados com essa iniciativa do parque, que representa para nós um marco muito importante. É um compromisso que estabelecemos desde o início da nossa gestão que é incrementar as tecnologias ativas de aprendizado. A atividade de formação, sem dúvida nenhuma, tem que progredir para a predominância de atividades práticas rapidamente”.

Além disso, a cooperação visa o desenvolvimento da economia regional pela geração de renda, capacitação e qualidade de vida da população. “Representa um olhar estratégico de que sem pessoas capacitadas dificilmente conseguiremos produzir a inovação que nos dê autonomia enquanto nação. O foco na formação de pessoas é absolutamente fundamental, um alicerce da construção da tripla hélice mais arrojada na capacidade de entregar desenvolvimento. Vejo um crescimento muito sinérgico e colocamos a nossa universidade de frente na colaboração com o projeto. Tenho certeza que poderemos contribuir para novas soluções disruptivas e o desenvolvimento da região, estado  e país”, detalhou o reitor.

O Presidente do Serratec, Marcelo Carius, afirmou que há muitos projetos de cooperação em andamento. “Estamos animados para colocar isso tudo em prática em nossa empresa. Estamos empolgados com a possibilidade e prontos para dar início à cooperação construída. Após esse acordo de cooperação, tenho certeza, que aperfeiçoaremos muito a nossa capacidade de instalação de software em nossa região. Precisamos formar pessoas que consigam colocar inteligência no software. A UFF entra em todo o ciclo. Expande nossa capilaridade de atingir novas disciplinas. A gente ganha o processo de aumento dos tipos de qualificações” detalhou Carius.

O Diretor da Escola de Engenharia de  Petrópolis, Aníbal Vilcapoma Ignácio, explicou que o  acordo vai permitir um amplo acesso às empresas instaladas no Parque Tecnológico e também executar o plano pedagógico do curso. “Nos debruçamos sobre metodologias ativas de ensino, revisão bibliográfica e experiências em outras áreas e aderimos ao PBL (Project Basic Learning). Nosso curso possui três pilares; sustentabilidade, inovação e empreendedorismo e as metodologias de ensino ativas. Ganharemos um fluxo de empregabilidade e de aproximação com o mercado, os estudantes ganham visibilidade no mercado durante os projetos e acabam sendo contratados como estagiários e depois como profissionais pelas empresas. A gente fica muito entusiasmado com esse acordo de cooperação” finalizou Aníbal Ignácio.

Grande área: 
Localidade: 

Compartilhe