SEI é reconhecido pelo Ministério do Meio Ambiente e ONU

Print Friendly, PDF & Email
Projeto da UFF foi selecionado pelo Ministério do Meio Ambiente e ONU para integrar cartilha de boas práticas ambientais na gestão pública

A implantação do Sistema Eletrônico de Informações (SEI) na Universidade Federal Fluminense foi um dos 125 projetos reconhecidos pelo Ministério do Meio Ambiente e a ONU Meio Ambiente como prática de excelência de sustentabilidade na administração pública. Com isso, o SEI compõe a seleta lista de iniciativas na Cartilha da Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P). Esse é um reconhecimento do caráter inovador do SEI em implantar agilidade, eficiência e transparência na universidade, contribuindo com a economia do uso de papel.

O Ministério do Meio Ambiente e a ONU Meio Ambiente realizaram uma chamada pública sobre iniciativas com resultados positivos comprovados em órgãos públicos. A seleção das boas práticas seguiu um sistema de avaliação embasado nos três pilares da sustentabilidade e em 15 indicadores, agrupados em impacto ambiental, social e econômico.

Segundo o reitor da UFF, Antonio Claudio Lucas da Nóbrega, a seleção do SEI confere legitimidade ao projeto implantado na universidade como uma iniciativa transformadora dos processos burocráticos na administração pública. “Esse é um reconhecimento de extrema importância por órgãos nacionais e internacionais de preservação do meio ambiente. Isso mostra que estamos no caminho certo e o SEI produz um impacto muito positivo tanto do ponto de vista da sustentabilidade ambiental, quanto econômica da UFF”, celebra.

É possível conferir o resultado no link: http://a3p.eco.br/produto/implantacao-sei-uff/.

Sistema Eletrônico de Informações

O SEI consiste na tramitação eletrônica e no acesso remoto dos processos administrativos, proporcionando celeridade e transparência das informações, além da redução de custos com papéis, tonners e cartuchos antes utilizados para impressão do processo físico, contribuindo para o desenvolvimento sustentável no Brasil.

Entre os principais resultados positivos contemplados pela comissão apuradora do Ministério e da ONU estão: economia de papel; diminuição do tempo de tramitação dos processos; economia financeira, com papel, furadores e custos impressão.

Todas as unidades que compõem a Universidade Federal Fluminense são beneficiadas pelo SEI, bem como os professores, técnicos administrativos, alunos, além de usuários externos. Com a adoção em massa do barramento de comunicação por parte dos órgãos da administração pública federal, a abrangência geográfica compreenderá todo o País.

A implantação dos processos no SEI começou em 2017 e é realizado por uma comissão composta integralmente por servidores com uma perspectiva multidisciplinar e integradora que aproxima conhecimentos de diversas áreas administravas da universidade. Dentre as atividades desenvolvidas, estão: análise das especificidades do SEI, Mapeamento de processos e Capacitação

Saiba mais sobre o SEI no site: http://www.uff.br/sei

Compartilhe