Eu sou: Técnico | Docente | Estudante | Bandeira da inglaterra

UFF: academia, diversidade e tolerância

A Universidade Federal Fluminense - UFF é um espaço acadêmico norteado pela liberdade de expressão, a qual possibilita avançar no conhecimento e assumir papel de vanguarda em nossa sociedade. Produzimos conhecimento e formamos estudantes com uma referência social inquebrantável, em busca do bem-estar para todos. Acolhemos a diversidade étnica, de gênero, social, religiosa e política. Nossa vida acadêmica é repleta de debates de ideias e opiniões, sem que isso resulte em agressão ou desrespeito.

O incidente ocorrido ontem (dia 27 de abril) no Instituto de Ciências Humanas e Filosofia – ICHF não tem qualquer aderência ao nosso cotidiano. O que seria mais uma palestra na UFF tornou-se, premeditadamente – como ficou comprovado pelas mídias sociais –, um espaço de conflito, presumindo que na nossa Universidade existam campos políticos hegemônicos cerceadores da liberdade. Ledo engano, pois a nossa comunidade está firmemente assentada no respeito a opiniões divergentes.

Assistimos na UFF, isto sim, a uma provocação desmedida à nossa comunidade, em geral, e aos nossos alunos, em particular. Pois aqui não é lugar de proselitismo de qualquer ordem e muito menos de segmentos radicais da sociedade que propagam explicitamente o ódio a outras religiões e disseminam a homofobia e o racismo, bem como outras formas de discriminação social e cultural. A maneira premeditada como essa agressão foi consumada merece atenção e repúdio de todos.

É nosso dever preservar a Universidade de pregações ideológicas que proponham soluções autoritárias que interrompam o desenvolvimento do processo democrático pelo qual passa nosso País, e garantir tanto o respeito às tradições laicas que fundamentam nossa vida republicana como a rejeição às investidas fascistas, sempre derrotadas pela vocação democrática prevalecente em nossa sociedade, da qual a Universidade pública, laica, gratuita e de excelente qualidade é um referencial inabalável.

A liberdade de expressão é um patrimônio das democracias contemporâneas, a qual não deve ser utilizada como subterfúgio para a difusão desproposital e inconsequente de valores e crenças que propagam a limitação, ou mesmo a eliminação, das liberdades individuais e coletivas de qualquer natureza.

Não podemos desconsiderar que há hoje na UFF um contexto de embate político em uma eleição para Reitor, em que os ânimos se aquecem e os argumentos fundamentados se confundem, eventualmente, com as assertivas de um e de outro lado. No final desse embate haverá um vencedor, o qual, balizado pelo espírito universitário, será constrangido a seguir respeitando os princípios básicos sobre os quais a Universidade Pública brasileira se assenta: laicidade, impessoalidade, qualidade, gratuidade e excelência.

Por fim, asseveramos que o Instituto de Ciências Humanas e Filosofia – ICHF é um centro de produção de conhecimento de excelência nacional e internacional nos diferentes domínios da Ciência, e sempre será um espaço aberto para todos os grupos da sociedade civil que, independentemente de suas crenças, estejam sinceramente interessados em promover discussões pautadas por respeito, liberdade, igualdade e fraternidade.

Sidney Mello - Reitor

Para saber mais sobre este informativo

Estes são os dados de contato do setor da universidade que escreveu este informativo:

Setor responsável: 
Grande área: 

Avalie esta página

CAPTCHA
This question is for testing whether or not you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.