Divisão de Estágio da PROGRAD: da celebração de convênios à promoção de oportunidades para estudantesA Divisão de Estágio da Prograd congrega iniciativas para a celebração de convênios com instituições públicas e privadas, promoção de oportunidades para estudantes e suporte às Coordenações de Curso A Divisão de Estágio da Pró-Reitoria de Graduação realiza um trabalho significativo em organizar, regularizar e dar suporte aos estágios obrigatórios e não obrigatórios dentro da UFF.  Além da celebração de convênios com instituições públicas e privadas, a equipe da Divisão mantém, ao longo de todo o ano letivo, contato direto com as Coordenações de Curso, oferecendo apoio nas questões técnicas e administrativas relacionadas ao estágio de estudantes. São realizados, em média, 10 encontros anuais com Coordenações de Curso. A equipe da Divisão é preparada para esclarecer questões acerca de legislação, da documentação e da promoção de oportunidades de estágio para os estudantes. Atualmente, a UFF possui 1319 convênios com instituições de todas as regiões do país, abrangendo todas as áreas de conhecimento. Para acessar a lista de convênios, clique em: http://www.estagio.uff.br/. Segundo a Chefe da Divisão de Estágio, Maria Letícia Alves, “os Convênios com instituições públicas são de maior impacto para a demanda de estágio obrigatório, especialmente para os cursos na área de saúde e para as licenciaturas”. Além dos convênios, a Divisão também coordena o Programa de Estágio Interno, que oferece oportunidades dentro da própria universidade para seus estudantes. Para o Estágio Interno não obrigatório, que é remunerado, há lançamento de Edital anual, divulgado entre outubro e novembro, para todos os setores da UFF que desejam receber estagiários Este ano, segundo Roberta Abreu, servidora técnico-administrativa da Divisão, foram disponibilizadas 277 vagas para estágio interno não obrigatório. A maioria dos estudantes participantes do Programa de Estágio Interno 2019 está lotada em setores das Unidades Acadêmicas. Para o Estágio Interno obrigatório, que não possui remuneração, conforme Orientação Normativa do Ministério do Planejamento, os setores da UFF com possibilidade e interesse em ofertar vagas de estágio obrigatório, encaminham seu Plano de Atividades à Divisão de Estágio para cadastro do campo de estágio. “Os responsáveis pelos campos de estágio obrigatório são orientados a consultar os coordenadores dos cursos dos estudantes a fim de assegurar a aderência do Plano de Atividades ao Projeto Pedagógico dos Cursos.”, conta Maria Letícia. Desta forma, o estagiário poderá se cadastrar em vagas que se relacionem com o seu campo de atuação e agreguem experiência e conhecimento em seu currículo. A oportunidade de Estágio Interno também se estende aos estudantes estrangeiros com vistos regularizados. Os estudantes podem concorrer a quantas vagas desejaram, optando, ao final do processo seletivo, por apenas uma. Vale destacar, ainda, que desde 2017, estudantes que ingressaram por Cotas, especialmente aquelas de caráter étnico e social, têm prioridade na ocupação das vagas de Estágio Interno, de acordo com a Portaria UFF 57.719. Dos 301 estudantes participantes do Programa de Estágio Interno de 2018, 55% (167) ingressaram na UFF pela Ampla Concorrência (Vestibular, TRM, SiSU) e 45% (134) pelas modalidades de Ação Afirmativa decorrentes da aplicação da Lei de Cotas - lei 12.711, de 2012. Destaca-se que, do total de participantes do Programa, 14% ingressaram na modalidade de ação L2 - Candidatos autodeclarados pretos, pardos ou indígenas, com renda familiar bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo e que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (Lei nº 12.711/2012). Esta é a modalidade de Ação que associa os componentes de escola pública - que é a base da Lei de Cotas - renda e cor/etnia.  Considerando as modalidades de Ação Afirmativa com o componente de cor/etnia, temos 26% (76) de participantes do Programa. Já considerando o componente de Renda (renda familiar bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo), também temos 26% do total de participantes.  Não foram registrados participantes do Programa que tenham ingressado na UFF pelas modalidades de ação afirmativa para pessoas com deficiência, que tiveram início em 2017.2. Observações: por questões técnicas do SiSU, houve alteração na codificação das modalidades de ação afirmativa - cotas ao longo dos anos; estão colocados como ampla concorrência os ingressantes em anos anteriores à aplicação da Lei de Cotas e ingressantes por outras modalidades de ingresso, como Transferência, Reingresso, Mudança de Curso. Anualmente, a Divisão de Estágio Interno realiza também um encontro durante a Agenda Acadêmica UFF. O Encontro do Programa de Estágio Interno reúne estagiários, responsáveis por campo de estágio, supervisores de estágio, coordenadores de curso e demais interessados, e procura estar alinhado com a proposta da SNCT (Semana Nacional de Ciência e Tecnologia).  “É uma oportunidade de compartilhar experiências e incentivar a participação dos diversos agentes no processo de avaliação do Programa, promover ações colaborativas e reunir contribuições para aperfeiçoar o Programa de Estágio Interno da UFF.”, como conta Maria Letícia. Os estudantes em estágio obrigatório e os participantes do Programa de Estágio Interno da UFF são segurados por apólice de seguro específica, em conformidade com a Lei 11.788/08 e com a Resolução UFF 298/2015.
Estágio em produção cultural na Eduff: resultado após recursoA Seção de Comunicação e Eventos da Eduff divulga o resultado final do processo seletivo (uma vaga) para estagiários do curso de Produção Cultural, após recurso. Abaixo, segue a lista por ordem de classificação. O candidato selecionado receberá a convocação pelo e-mail. 1º Matheus da Silva Valadão 2º Giulia D’Aiuto Barreto 3º Daphne Chaves Trigueiro dos Santos
Seção de Comunicação da Eduff divulga aprovados para prova e entrevista de estágioA Seção de Comunicação e Eventos da Eduff divulga a relação dos candidatos habilitados para a próxima etapa do processo seletivo para estagiários dos cursos de Estudos de Mídia, Jornalismo e Produção Cultural. Os estudantes selecionados serão convocados por email para a realização de prova e entrevista, que deverão ocorrer no período de 10 a 16 de março. Candidatos habilitados para a próxima etapa da seleção de estagiários da Seção de Comunicação e Eventos da Eduff:   Bia Póvoa do Canto - Estudos de Mídia Brenda França Aguiar - Estudos de Mídia Camila Rodrigues dos Santos - Produção Cultural Carolina Brandão Regis Moraes - Estudos de Mídia Eduarda Pereira Garcia - Jornalismo Eduarda Rodrigues - Produção Cultural Fernanda Bastos Queiroz - Jornalismo Jefferson Pereira dos Santos - Produção Cultural Juliana Carrano - Jornalismo Luísa Silveira da Araújo - Jornalismo Maria Cristina Silva Ramos - Jornalismo Mateus de Araújo Machado - Jornalismo Mayara Ramos Barcellos - Jornalismo Roberta Mozer Lira - Estudos de Mídia Victória Caroline Costa Correia Silva - Jornalismo