resistência

A diversidade das experiências negras no campo cultural, da festa, da música, do teatro, da educação, da luta política, em diferentes épocas da história do Brasil, está presente em “Cultura Negra”, uma coletânea em dois volumes publicada pela Eduff.

Organizada por Martha Abreu, Giovana Xavier, Lívia Monteiro e Eric Brasil, a obra reúne 27 artigos. No Volume 1, o destaque é para as instituições e associações culturais e políticas negras, como escolas de samba, congados, jongos, bois e maracatus, nos tempos da escravidão, em especial, nos tempos do pós-Abolição.

A Pró-Reitoria de Extensão, por meio do Programa UFF Mulher, participará do I Encontro Municipal “Mulheres que nos inspiram” a ser realizado nos dias 05 e 06 de março, no auditório da Escola de Serviço Social da UFF. O evento, uma realização da Prefeitura de Niterói, busca conectar mulheres, propósitos, desafios, lutas, talentos, criatividade e empreendedorismo.

Aconteceu, entre os dias 27 e 29 de setembro de 2017, o 49º Encontro da Regional do Fórum de Pró-Reitores de Extensão de Instituições Públicas de Educação Superior Brasileiras. Tendo como tema “Resistência e Diversidade – A função social da Universidade”, o evento contou com a participação de professores e técnicos representantes da PROEX/UFF.

A professora de Literaturas Africanas de Língua Portuguesa Renata Flavia da Silva lança “Utopias comuns em múltiplas fronteiras: ensaios sobre literaturas africanas de língua portuguesa” (Eduff, 2017). A série de ensaios traz o rompimento do eixo utópico da luta anticolonial, ao exceder o âmbito literário e representar novos horizontes de rearticulação das identidades culturais e temporais.

“Será que o termo resistência tinha o mesmo significado nos anos 1960, 1970, 1980 e 1990?”. O historiador Felipe Paiva traz o debate acerca do conceito e suas vertentes no livro “Indômita Babel”, novo lançamento da Eduff.

Word DocumentXLSCSV
Subscrever resistência