Eu sou: Técnico | Docente | Estudante

Direitos humanos: UFF revalida diploma de engenheiro refugiado

Anas Abdulrjab se formou em Engenharia de Telecomunicações na Líbia

Há 69 anos, no dia 10 de dezembro, era adotada e proclamada a Declaração Universal dos Direitos Humanos pela Assembleia Geral das Nações Unidas, por meio  da resolução 217 A III, que estabeleceu a proteção universal a todos os cidadãos do mundo. No próximo domingo, quando será comemorado o Dia Internacional dos Direitos Humanos, o sírio Anas Abdulrjab poderá celebrar duplamente, por ter encontrado no Brasil o acolhimento necessário para se refugiar e fixar residência e também pela conquista da revalidação do seu diploma de engenheiro pela UFF.

UFF Volta Redonda: aluna de Direito realizará estágio na OEA

Foto: Sede da Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH)

A estudante do oitavo período do curso de Direito, Daniele Oliveira Reis Blachi, foi selecionada para estagiar na Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH), localizada na sede da Organização dos Estados Americanos (OEA), em Washington DC, Estados Unidos da América. A experiência inédita entre os estudantes da UFF de Volta Redonda será realizada no período de 6 de setembro a 1º de dezembro deste ano.

Internacionalização: UFF inaugura núcleo de estudos dos países do Brics

Foto: Portal MEC

A UFF será a primeira universidade federal do país a contar com um núcleo de estudos dos países que compõem o Brics, bloco econômico de países considerados "emergentes", atualmente formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. A inauguração será realizada dia 24 de agosto, quinta-feira, às 18h, no Instituto de Ciências Humanas e Filosofia (Ichif), no Campus do Gragoatá.

Acolhimento a refugiados é destaque em projeto da UFF

Refugiados fazem homenagem ao Brasil - Crédito: nossacausa.com

O último relatório “Tendências Globais” do Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (Acnur) apresentado pela ONU registra que 65,6 milhões de pessoas saíram de seus territórios de origem por perseguições e guerras, sendo mais de 300 mil só no último ano. O documento enfatiza também que uma em cada 113 pessoas em todo o mundo foi forçada a se deslocar - número superior à população do Reino Unido. O Acnur aponta ainda que metade dos refugiados são crianças e que 75 mil delas solicitam refúgio.

Programa de Pós-Graduação em Geociências: 45 anos com foco nas questões ambientais

Programa de Pós-Graduação em Geoquímica: 45 anos - Foto: Divulgação

Fundado em 1972, o Programa de Pós-graduação em Geoquímica, ligado ao Programa de Geociências, completa 45 anos neste ano. Até aproximadamente o final da década de 70, o enfoque de suas pesquisas era na geoquímica clássica. A partir daí, deu-se início a um movimento voltado para o meio ambiente, com a formação de grupos multidisciplinares, aulas em tempo integral e professores estrangeiros incorporados ao seu quadro docente, cuja pesquisa de alinhava à questão ambiental.

Admissão de professores estrangeiros destaca UFF no contexto internacional

imagem ilustrativa

Em tempos de globalização, as universidades brasileiras estão cada vez mais voltadas para o que acontece ao redor do planeta. E com a UFF não poderia ser diferente. A ida de profissionais da própria instituição para institutos de pesquisa e universidades de fora, bem como a entrada de professores estrangeiros tem sido uma alternativa para promover a troca de experiências e a aquisição de novos conhecimentos.

UFF oferece disciplinas de graduação e pós-graduação em inglês

Coordenadoras e professor por trás do projeto Foto: Mariana Yagi

O idioma é um dos maiores impedimentos para que as universidades brasileiras atraiam mais alunos estrangeiros. O país se torna pouco atrativo para esses estudantes, uma vez que a língua portuguesa é pouco falada ao redor do mundo. Além disso, muitos universitários brasileiros buscam se preparar para um possível mercado internacional, o que também desperta o interesse por disciplinas ministradas em outras línguas, principalmente o inglês.

UFF inaugura curso de língua russa no Prolem e no Pule

prolem

A Universidade Federal Fluminense incorporou um novo curso ao seu Programa de Línguas Estrangeiras Modernas (Prolem): a língua russa. O curso iniciará as suas atividades no dia 8 de março. As aulas serão oferecidas às terças e quintas-feiras, às 10h, com duração de uma hora e meia. O curso será ministrado pelo professor Edelcio Américo, doutor em Literatura e Cultura Russa pela USP.

UFF implanta núcleo de comunicação e cultura em país africano

Reunião de pessoas em evento de encerramento do projeto São Tomé e Príncipe Plural

A UFF deu mais um passo em direção à internacionalização da universidade. Em maio, a instituição finalizou o projeto “São Tomé e Príncipe Plural: Ações Programáticas em Comunicação e Cultura” fruto da parceria entre o governo brasileiro e o de São Tomé e Príncipe. A iniciativa surgiu através do intercâmbio firmado com a Agência Brasileira de Cooperação (ABC), do Ministério das Relações Exteriores.

Páginas