Informe da administração da UFF

Print Friendly, PDF & Email

A administração da universidade vem a público esclarecer que mais uma vez a UFF enfrenta o problema de atraso nos salários dos funcionários terceirizados, que prestam serviços à universidade. Infelizmente, esta tem sido uma situação recorrente nos últimos meses, que acarreta sérias dificuldades às atividades acadêmicas e aos funcionários terceirizados, em particular.

A UFF está fazendo tudo o que está a seu alcance para resolver a situação. A instituição não é uma unidade geradora de recursos. Ela depende integralmente dos repasses que são feitos pelo governo federal. Quando o repasse não ocorre, ou atrasa, a UFF se vê incapaz de cumprir com seus compromissos.

A universidade lamenta que este problema venha se repetindo, mês após mês. Tal situação gera dúvidas em relação a sua capacidade de funcionar de maneira satisfatória, alimenta a insegurança e de modo algum, favorece a continuidade dos trabalhos em bom nível.

A UFF manifesta solidariedade aos terceirizados, cujo bem-estar financeiro e pessoal tem sido sistematicamente afetado por estes atrasos. São pessoas de nosso convívio: porteiros, motoristas, vigilantes, dentre outras atividades essenciais que, contudo, não integram o quadro funcional da universidade.

A administração implementou novos métodos de gestão que lhe têm permitido economizar recursos importantes como combustível, água e energia, sem prejuízo das suas atividades essenciais. Porém, de nada adianta essas ações se os recursos financeiros não são depositados. Assim sendo, a equipe dirigente da UFF vem desenvolvendo repetidos esforços no sentido de cobrar do governo federal a sua responsabilidade em prover, sem atrasos, os recursos indispensáveis ao bom funcionamento da instituição. O vice-reitor Antonio Claudio da Nóbrega está desde ontem, em Brasília, tratando especialmente do assunto. Nesta terça-feira, 12 de maio, a universidade conseguiu a liberação de parte da verba e está tomando providências administrativas necessárias para o repasse às empresas visando o pagamento imediato aos terceirizados.

Grande área: 

Informes

Não há nenhum conteúdo neste grupo.

Compartilhe