Histórico - Petrópolis

Print Friendly, PDF & Email

Dando continuidade à sua expansão pelo Estado do Rio de Janeiro, em  novembro de 2015, a UFF iniciou as atividades do curso de bacharelado em Engenharia de Produção no novo Campus de Petrópolis. Esta que é a maior e mais populosa cidade da Região Serrana Fluminense, conhecida como Cidade Imperial, por ser a rota preferida de Dom Pedro para seus momentos de lazer e repouso. Cidade histórica e turística.

O curso foi criado a partir da demanda da Prefeitura aliada à necessidade de ampliar a qualificação profissional na região e ao potencial de desenvolvimento tecnológico local. Petrópolis já conta com unidades do Centro Federal de Educação Tecnológica (Cefet), da Faculdade de Educação Tecnológica do Estado do Rio de Janeiro (Faeterj) e do Laboratório Nacional de Computação Científica (LNCC), órgão vinculado ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação. As duas últimas instituições ficam a cerca de um quilômetro do campus da UFF, o que facilita em muito a aproximação.

Além disso, a localidade onde a graduação se encontra oferece um crescente campo de estágio e emprego para os alunos e futuros egressos do curso. A Região Serrana vem se consolidando como um centro regional de desenvolvimento, principalmente na área da indústria de base tecnológica.

A infraestrutura do campus foi montada pela Prefeitura de Petrópolis, que firmou um convênio com a UFF para a sua instalação em um antigo Ciep, no bairro Quitandinha. A condição para a criação do curso foi a oferta, pela administração municipal, de toda a estrutura física necessária ao seu funcionamento.

É a primeira universidade federal a ser instalada no município. A primeira turma da UFF em Petrópolis tem 50 alunos, selecionados pela nota do Enem, conforme as regras do Edital Suplementar nº 3, que contou com mais de 1,4 mil candidatos.

A atualização mais recente deste conteúdo foi em 12/12/2016 - 11:19